Make your own free website on Tripod.com







Cassia Eller













Fotos | Fotos de familia | Fotos com amigos | Discografia | Letras e cifras | Matérias | Contate-me





.








































classica; Tamanho real=240 pixels de largura

.






Cássia Rejane Eller nasceu no Rio de Janeiro, em 10 de dezembro de 1962. Foi criada entre músicos (familia da mâe). O pai, militar, foi responsável por constantes mudanças de endereço. Daí vem a mistura de culturas, ritmos, estilos que a cantora Cássia mantém em sua obra.
Aos 6 anos, Cássia mudou-se com a família para Belo Horizonte. Aos 10, mudava-se novamente, desta vez para Santarém, no Pará. Quando tinha 12 anos, estava de volta ao Rio. Com 18, outra mudança, foi morar em Brasília.
Cássia Eller já estava certa do que queria na vida, cantar era tudo o que importava. Na verdade, a história musical da cantora começou bem antes. Aos 14 anos e ganhou um violão de presente. Nessa época os Beatles eram uma das mais fortes influencias para Cássia.
Em Brasília fez de tudo para estar sempre nos palcos. Cantava em coral, fazia testes pra musicais, trabalhou em duas óperas como corista e, em 1981, participou de um espetáculo de Oswaldo Montenegro.
Cantou também em um grupo de forró e participou do primeiro trio-elétrico do planalto, o Massa Real, onde cantou durante dois anos. Então mais uma referência juntou-se às já adquiridas pela cantora: a música baiana. Inclusive a instrumental, que Cássia confessa não ter notado antes.
Escola nunca foi o forte de Cássia, que não terminou o segundo grau. Sua grande meta era poder cantar o tempo todo. Tentou até estudar canto para se tornar cantora de ópera. Mas a rigidez e disciplina que esse tipo de trabalho exige acabaram por afastar Cássia da música clássica.
Foi a partir de 1989 que Cássia começou seu trajeto pelo mundo do disco. Em São Paulo, ela gravou uma fita demo, apoiada pelo tio, que foi seu primeiro empresário. Ele que levou a fita para uma audição na gravadora Polygram. Nesta fita estava gravada a música que viria a ser o primeiro sucesso na voz de Cássia, a música "Por Enquanto", de Renato Russo.
Veio então o contrato com a gravadora e o primeiro disco, lançado em 1990. Depois disso, Cássia não parou mais. Foram seis discos gravados. vários sucessos e uma personalidade inconfundível, que mistura sua timidez latente à rebeldia quase adolescente.
Cássia não gosta de pensar em metas para o futuro. Não planeja novos trabalhos nem se preocupa com conceitos. Queria estar no palco o tempo todo e produzir muitas canções. Aos 36 anos, ela ainda era a mesma garota que tocava Beatles aos 14.

.

.






Frases:

- "Sou mulher, sou pobre, sapatão, mãe solteira, preencho todas as lacunas. Tem de saber lidar com o preconceito" (Maio de 2001)

- "Acho ótimo a pirataria, acho 'o bicho'. O cara não tem dinheiro, nem nada. Vai ficar sem ouvir música?"(Maio de 2001)

- "Esta semana mesmo já comecei a ligar para umas pessoas e pensar no próximo álbum"(Dezembro de 2001)

- "Não vejo o que faço como uma carreira. Faço música por que gosto muito, me dá muito prazer"
(Maio de 2001)

- "Não quero ter de me preocupar com nada a não ser o palco, o show, a música. Preciso confiar e ter um bom relacionamento com quem me vende."

- Sobre o vício da cocaína: "Eu embalava dois, três dias sem parar. Aí deu um clique, fiquei pirada com a história. O meu problema hoje é que eu bebo, entorno uma cana. Eu gosto de birita." (IstoÉ Gente, dezembro de 2001)

- Mãe: "Não sou muito coerente. Às vezes sou muito rígida com o Chicão e, no outro dia, na mesma situação já sou mais tranqüila, relaxo mais. Mas ele também é meio doidinho, acho que entende isso." (Dezembro de 2001)

"No meu tempo ouvíamos Chico Buarque nas rádios. Não tem jeito, a coisa mudou mesmo. Mas ainda assim adoro rádio"